Logotipo Sincovaga


CARREFOUR LANÇA NA FRANÇA GIGANTESCO PLANO DE TRANSFORMAÇÃO.   06/02/2018

ALAIN WINANDY

 

Batizado de Carrefour 2022, contempla investimentos de quase três bilhões de euros em cinco anos, para reforçar sua presença no e-commerce, repensando por conta disso também sua logística para seus hipermercados e outras lojas.

A logística está intimamente ligada ao e-commerce, mudando paradigmas, como perceberam recentemente aqui a rede de lojas Riachuelo. Se, no e-commerce as entregas são compra-a-compra, porque não fazer a mesma coisa para as lojas (dia a dia), ao invés de cargas consolidadas pelo viés econômico. A Riachuelo apostou nesta mudança e constatou que poderia, além de diminuir rapidamente o índice de faltas, trabalhar com menos estoques nas lojas, reduzindo o estoque total da empresa e colhendo resultado de melhores vendas e lucratividade. Além do mais, tem a necessidade de atender o cliente sendo Omnichannel: o cliente pode comprar online, retirar em uma loja, trocar ou devolver em outra, por exemplo.

A constatação é que as mudanças no comportamento de consumo e de compras, além da concorrência especializada atinge as grandes empesas e também lojas de grande superfície, como os hipermercados.

O cliente Francês tem fugido das grandes superfícies e, dentre os motivos estão a qualidade (nem tão boa assim), comida tipo industrial, o tempo e estresse gasto nas compras, tem feito muitos clientes optarem por fazerem compras locais, próximo a si, e em comércios especializados, como casa de carnes, feiras, e sacolões, por exemplo; outros optam por comprar alimento pela internet e retirar no drive de sua loja mais próxima, saindo do serviço, por exemplo, e, complementar a compra de não alimentos pela internet.

O desafio agora é operacionalizar isso. Por exemplo, uma grande variedade de produtos alimentares online para abastecer todo o país com a mesma qualidade exige desenvolver prestação (e prestadores) de serviço, além de estrutura física, de equipamentos, de sistemas que devem exigir soluções técnicas e provocar mudanças complexas na organização.

Com certeza este é um desafio que vai atingir todas as grandes empresas (e provavelmente rapidamente as médias de certo porte também), não apenas do setor de supermercados mas do varejo como um todo (a Riachuelo é um exemplo), o que significa que de um momento a outro todas deverão fazer. Quem sai na frente tem de acertar e errar decisões soluções, mas, tem essa recompensa de sair na frente, na curva de aprendizagem e entrega de soluções desejadas pelos clientes. Ao final, quem fizer melhor este processo vai se destacar.

Alain Winandy - Direitos reservados. WWW.cienciadovarejo.com.br 

 


Página Anterior | Página Inicial
Qualicorp
Certificado Digital
Convenções Coletivas
Comunicados
Notícias
Contato