15 de julho, 2024

Notícias

Home » Destaques » Grupo Dia entrega toda operação no Brasil pelo valor simbólico de 100 euros

Grupo Dia entrega toda operação no Brasil pelo valor simbólico de 100 euros

Depois de enfrentar uma série de crises e resultados negativos persistentes, a matriz espanhola do Grupo Dia entregou 100% da operação da rede de supermercados no Brasil pelo valor simbólico de 100 euros – o equivalente a R$ 568,19. Em comunicado à Comissão Nacional de Valores Mobiliários, a companhia informou que o comprador é a Lyra II Fundo de Investimento em Participações Multiestratégia.

A controladora do grupo brasileiro comprometeu-se a injetar 39 milhões de euros em recursos adicionais para que o Dia Brasil possa continuar os seus negócios mediante o processo de recuperação judicial, no qual se encontra desde 14 de março.

No mesmo comunicado, o grupo afirma a expectativa de um impacto contábil negativo estimado em 101 milhões de euros que, convertidos em reais, ao câmbio de R$ 5,68, ultrapassam os R$ 573 milhões. Apesar da entrada do fundo de contribuição de 39 milhões de euros, a empresa irá destinar 30 milhões de euros para pagamentos de dívidas financeiras já garantidas, 27 milhões de euros pela reclassificação de diferenças de conversão associadas entre real e euro e mais 5 milhões para despesas associadas à transação de compra e venda.

A empresa voltou a reafirmar que os trâmites promovem “uma saída limpa em relação ao comprador” e que permitirá ao Grupo Dia focar em seus mercados mais rentáveis e com maior potencial de crescimento, como Espanha e Argentina. Nesses países, destaca, o grupo, atualmente, “alcançou uma posição relevante com uma estratégia focada na distribuição de alimentos de proximidade”.

Saída do Brasil

Desde o ano passado, a venda de toda rede no Brasil já vinha sendo cogitada. Em março deste ano, a varejista iniciou um processo de liquidação de todos os produtos disponíveis nas 343 lojas que foram fechadas no País.

Atualmente, o e-commerce está indisponível. No site, constam informações como o histórico da companhia e outros dados institucionais.

Conforme o comunicado à Comissão Nacional do Mercado de Valores Mobiliários (CMV), emitido há dois meses, pelo diretor financeiro da rede, Guillaume Marie Didier Gras, sediado na Espanha, tratava-se de uma reestruturação que contemplava o fechamento de 343 mercados de baixo rendimento e de 3 centros de distribuição, depois de ter sido feita uma profunda análise sobre os negócios no País.

 

https://mercadoeconsumo.com.br/03/06/2024/supermercados/grupo-dia-entrega-toda-operacao-no-brasil-pelo-valor-simbolico-de-100-euros/

 

Comentários