22 de julho, 2024

Notícias

Home » Geral » Mercado de produtos orgânicos vive um momento de crescimento no Brasil

Mercado de produtos orgânicos vive um momento de crescimento no Brasil

O mercado de produtos orgânicos no Brasil vive um momento de crescimento notável nos últimos anos. Boa parte deste movimento se deve à busca dos consumidores por uma alimentação mais saudável e sustentável. De acordo com a Associação Brasileira de Orgânicos e Biodinâmicos (Organis), estes produtos registraram 16% mais consumo entre os anos de 2021 e 2023. A região Nordeste foi a que anotou maior aumento no consumo, de 32% para 45% no mesmo período. Em segundo lugar, está o Centro-Oeste, com 42%. O Sudeste, apesar de concentrar 30% das áreas de cultivo orgânico do país, ainda tem um consumo menor, de 38%.

Com mais gente consumindo, tem mais empresas produzindo estes alimentos. Caso da Vitao Alimentos, cuja especialidade é justamente alimentos de teor mais saudável. Rafael Hortz, gerente de marketing da Vitao, explicou como a marca pensa a gestão da categoria desses itens para aproveitar ao máximo a experiência no varejo alimentar. “Como pioneiros no mercado nacional, conseguimos ver como a evolução da categoria ainda não foi ajustada pelo varejo quase que de forma geral. Nos dois últimos anos, estamos trabalhando junto com os supermercados de forma mais didática sobre a importância de ajustar a categoria de saudáveis por produto ao invés de algo restritivo”, detalha.

Hortz entende que o setor ainda é visto, a grosso modo, como “consumo para doentes” e que desde que repaginaram os nossos produtos, têm conseguido posicionar nossos chocolates zero açúcares e sem glúten, próximos aos chocolates no ponto natural. “Isso é uma vitória, não para indústria, nem para o varejo, mas ao consumidor que tem a opção indulgente próximo ao hábito de compras. O ganho para o supermercadista que entende isso é muito alto”, pontua.

Desde a pandemia a busca por alimentos saudáveis vem aumentando de forma sólida pelo consumidor, o que reflete diretamente no hábito de compras. O gerente explica como funciona a mente do shopper com este perfil de produto. “O consumidor de chocolate não vai trocar um chocolate por uma fruta. Ele vai buscar um produto sem açúcares, por exemplo. Assim como os biscoitos, cookies e demais produtos. Quando olhamos para grandes players como a Heineken com seu mote de Player 0.0, vemos que agora um não consumidor de bebidas alcoólicas pode estar tranquilamente em um churrasco ou comemoração, tomando sua cerveja sem ser excluído do meio social. E no fim consumidores são pessoas, as empresas às vezes se esquecem disso” destaca.

https://www.supervarejo.com.br/especial/mercado-de-produtos-organicos-vive-um-momento-de-crescimento-no-brasil

 

Comentários